26 junho, 2011

As Crônicas de Nárnia de CS Lewis

26 junho, 2011

Ok. Faz mais de um ano que escrevi sobre esse filme, mas tive que atualizar. Apesar dos 12 meses continuo assistindo frequentemente. E ainda tem aquela história do terceiro filme...
Enfim, esse é o que já estava escrito + o que eu precisava acrescentar. O que não significa que daqui a alguns anos eu não vá modificá-lo de novo, mas tudo bem. Como de praxe, quando vou escrever sobre um livro, eu primeiro coloco a sinopse deste. Mas o post de hoje é um caso à parte. Afinal é o meu livro preferido e merece um post peculiar.




Tudo começou em um acampamento quando eu assisti o filme O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa. Assim, de cara, eu amei o filme e os livros não demoraram a chegar. Os primeiros que eu li foram O Leão, a Feiticeira e o Guarda -Roupa e Príncipe Caspian, respectivamente, mas eu não consegui parar nesses. As Crônicas de Nárnia - volume único praticamente me chamava! Eu comprei e amei cada página que li e etc. Como se tudo isso já não bastasse, veio o terceiro filme. A Viagem do Peregrino da Alvorada, eles entram em um quadro e eu corro pro cinema. Uma vez não foi o suficiente, sendo assim, uma semana depois eu estava no cinema outra vez. Aí vem as pessoas e começam com seus comentários que eu ao menos perguntei: " Pra quê assistir duas vezes? Eu só assisti uma e depois não consigo assistir mais." BELEZA! Só que vocês - pessoas que fazem esse tipo de comentário - não leram a série 2 vezes e nem ficou horas na fila do cinema com receio de acabarem os ingressos. (Acho que os fãs de Crônicas de Nárnia, Harry Potter e muitos outros sabem exatamente o que estou falando. rs) Continuando, apesar de os primeiros filmes já não chamarem tanta atenção quanto o recém-lançado, os poemas do primeiro ainda cativam muita gente.




"O mal será bem quando Aslam chegar,


Ao seu rugido, a dor fugirá,


Nos seus dentes o inverno morrerá,


Na sua juba a flor há de voltar!"





"Quando a carne de Adão,


Quando o osso de Adão,


Em Cair Paravel no trono sentar,


Então há de chegar ao fim a aflição."





Resumindo tudo, para mim, é o melhor conto de fadas que já existiu!




New World






Nárnia...Nárnia...

Ninguém acreditou nela
Ninguém imaginou que era verdade
Ela disse que viu uma terra distante
Ela disse que andou na sua Babilônia
Ela sentiu o frio sob seus pés
E o tempo ficou parado onde o inverno nunca dorme

Eu vi um novo mundo...


igual a nada visto antes...


apenas um passo para atravessar a porta entrar
Num novo mundo... Em Nárnia

Toda esperança desapareceu...



Uma escuridão muito além de seus poderes
Mas o amor veio cruzando nas asas da cura do sacrifício
Ele lhes deu algo em que acreditar
Voltou em toda Sua majestade
Ele venceu o mal com seu amor e entregou lhes a terra que eles tinha sonhado

Num novo mundo... Em Nárnia!


Tilintando sua juba Ele é o mesmo que eu me lembro
A magia está acordando com cada respiração . Ele está respirando
E quando Ele rugir...ela não pode ignorar que Ele é nosso rei novamente





(...Aqui, além do poste...)

Eu vi, eu vi, eu vi um mundo novo
Num mundo novo...Em Nárnia!








Ps.: Música do meu cantor preferido sobre o meu livro/filme preferidos. :B


























5 comentários:

Thaís disse...

Suzy,
nem preciso dizer que adoro as Crônicas de Nárnia e olha que eu ainda nem terminei de ler o volume único..Esse livro é ótimo..
Bjs

Thamy disse...

Nem li. ainda. mas pretendo ler logo o mais breve possível, assim que passar o vestibular!

Gabriela Couth disse...

Eu ameeeeeeei as crônicas de nárnia, o meu favorito foi a Viagem do Peregrino da Alvorada. Mas, sinceramente, achei o último livro muito ruim... Parece que nem foi ele que escreveu :PP

Beeeijo!

Sarah disse...

Demorou!...Para postar um texto sobre "As crônicas de Narnia" hehe, você escreve bem =)

♥ Luciana Mira ♥ disse...

Ah Narnia é maravilhoso, ne?! Flor, tem uma Tag ravc no meu blog! Espero que goste, eu amei fazer! beijos

Postar um comentário

Se gostou ou não, fico feliz por ter lido. Então não xingue, não ofenda outras pessoas e etc. Sendo assim, seu comentário me alegra e agradeço por ele. Obrigada! (: